Pivot Brasil
Fala Guri! Bem vindo ao Pivot Brasil. Crie sua conta é rapidinho e compartilhe suas animações com a gente. Aqui você pode se tornar uma animador motherfucking foda! Você pode postas suas animas como visitantes em Freestyle também!

Compartilhe
Ir em baixo
Lillith
Lillith
Witch
Witch
Feminino
Idade : 22
Posts : 774
$SC : 0
Localização : Fundo do Poço
Data de inscrição : 24/04/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue3 / 1003 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 15:59
O Grande Roubo RP


-Primeiras Considerações-
Primeiramente, gostaria de explicar a vocês o que é um RP por texto. Um RP por texto (RP, do inglês, role-play) é uma aventura baseada em texto (escrita) onde os jogadores interpretam uma personagem (de preferência original e criada por eles) e são guiados por um DM (dungeon-master, do inglês) que cria os cenários e avança a estória concordando com as ações dos jogadores (nota: os DMs também podem ser jogadores).

-Dicionário-
Eu usarei vários termos neste tópico que podem ser um pouco alheios a vocês, então farei aqui um pequeno dicionário.
Spoiler:
- RP: Do inglês, role-play [ˌɹəʊl.ˈpleɪ], significa, em tradução direta, "jogo de papéis", no caso, uma dramatização ou encenação (em tradução mais fiel). É um gênero muito conhecido há anos, desde quando jogos como Dungeons and Dragons surgiram.
- DM: Do inglês, dungeon-master [ˌdʌn.dʒən.ˈmæs.tɚ], significa, em tradução direta, "o mestre do calabouço", no caso, seria quem coordena a encenação do RP.
- Fora da Personagem: é o tópico onde não ocorre encenação alguma, ou seja, é um tópico de discussões e conversa, pouco relacionado com a encenação.
- Dentro da Personagem: é o tópico onde ocorre o RP.
- Ficha: é uma redução de Ficha da Personagem; é a ficha de características da sua personagem.
- Godmode: godmoding vem do inglês e basicamente significa "modo-deus", ou seja, é quando uma personagem é capaz de fazer qualquer coisa que quiser sem consequências.
- Metagaming: metagaming, mais uma vez, do inglês, é quando o jogador usa informações de fora da sua personagem ao seu favor, ou seja, usar uma informação provinda deste tópico no tópico dentro da personagem a seu favor.

-Regras-
De início, devo avisar que as regras a seguir listadas serão levadas em conta em ambos os tópicos deste RP, algumas mais específicas a este tópico, outras mais específicas ao outro tópico, mas, nesses casos, irei pôr um subtítulo indicando a qual tópico as regras não-gerais pertencem.
Regras gerais:
- Sem flood e spam em ambos os tópicos, mantenham-nos limpos.
- Não incitar brigas e discussões desagradáveis, este é um espaço para diversão e entretenimento.
- Sem ofensas de origem racial, sexual, de gênero, etc.
- Tentem manter uma linguagem mais limpa o possível, o uso de palavrões em excesso será aceito apenas se houver uma justificativa para isso no contexto da cena.
Regras deste tópico:
- Tentem manter as discussões e conversas neste tópico mais próximas ao assunto principal (o RP) o possível.
- Caso a ficha já tenha sido postada e não aceita por algum motivo, por favor, não a poste novamente, apenas edite a antiga com as mudanças e avise-me.
Regras do outro tópico:
- Sem metagaming e godmode
- Tentem escrever na norma padrão do português, gírias são aceitas, assim como coloquialismos, o que não serão aceitos são termos reduzidos (como vc no lugar de você, e por aí vamos) e erros de escrita (tipo "caza" e outros).
- Tentem, também, escrever pelo menos um parágrafo de quatro sentenças em cada post.


-A Estória-
Era para ser apenas mais um dia comum na Comunidade Democrática do Pivot Brasil, mas as coisas mudaram rápido quando um aviso foi a público, a relíquia mais sagrada da comunidade, o Ômega de Diamante, capaz de dar a qualquer um os poderes de Apantes, fora roubada enquanto todos dormiam e seu paradeiro é desconhecido, assim como seu ladrão.
Rapidamente, o governo convoca os mais destemidos heróis para irem à busca da relíquia, será que eles conseguirão encontrá-la?


-Ficha-
Aqui vai o esqueleto da ficha de criação da sua personagem.

Nome:
Idade:
Gênero:
Raça: (Caso seja uma raça diferente de "humano", por favor, faça uma descrição detalhada da raça, como aparência, aspectos básicos da sociedade, etc.)
Aparência: (Quantos metros, peso, detalhes do corpo, rosto, tem alguma cicatriz (etc)? Imagens podem ser usadas)
Personalidade: (Sua personalidade?)
Estória: (Qual é seu passado?)
Inventário Inicial: (Itens iniciais de sua personagem)
Poderes: (Poderes de sua personagem)



Última edição por Lillith em 2/4/2016, 17:35, editado 4 vez(es)
Lillith
Lillith
Witch
Witch
Feminino
Idade : 22
Posts : 774
$SC : 0
Localização : Fundo do Poço
Data de inscrição : 24/04/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue3 / 1003 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 15:59
-Reservado para uso futuro-


Última edição por Lillith em 2/4/2016, 16:01, editado 1 vez(es)
Lillith
Lillith
Witch
Witch
Feminino
Idade : 22
Posts : 774
$SC : 0
Localização : Fundo do Poço
Data de inscrição : 24/04/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue3 / 1003 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 16:00
-Lista de personagens-

Nádia - Lillith:

Nome: Nádia.
Idade: 19
Gênero: Feminino

Raça: Faunae
Os Faunae são uma raça de certa forma rara no mundo, tendo aparência de certa forma semelhante a humanos, mas com algumas poucas diferenças, sendo essas: cores de pelagem diferenciadas (muitos Faunae nascem com cabelos que se assemelham à pelagem de animais, ou seja, têm várias cores. Além disso eles também podem ter pelos de cores mais alaranjadas ou até mesmo brancos); narizes mais proeminentes, mas narinas pequenas; suas orelhas têm movimentação melhorada, o que aguça a localização de sons; e, a característica mais proeminente, chifres que nascem de seus crânios, normalmente semelhantes ao de alces ou antílopes.
A sua cultura é um pouco mais variada à dos humanos, pois os Faunae são uma raça de semi-nômades e fazendeiros, muito conectados com a natureza. Suas aldeias são normalmente construídas nas copas de árvores em montes ou montanhas bem florestadas. Eles não têm líderes em sua sociedade e preferem um modelo mais "um por todos e todos por um" de sociedade. Além disso, eles são muito bem conhecidos por serem excelentes em magia.

Aparência:
Nádia tem um corpo de certa forma dentro do comum, para uma Faunae, com uma altura de 1 metro e 95 centímetros, peso de 90 quilogramas. Sua pele é bem clara, quase pálida, seus cabelos são longos até a metade das costas e de coloração semelhante a um cervo (maioria marrom escuro com tons de branco e beje) e ala tem um par olhos verde-escuro. Seu rosto é composto de um nariz Faunae normal assim como uma boca bem avermelhada e de aparência saudável, seu rosto é demasiado comprido, também. Seu corpo é um tanto esguio, com peitos, glúteos de tamanho médio, mas ancas um pouco grandes; mãos e pés de tamanho normal.

Personalidade:
Ela, vista por um desconhecido, pode ser vista como alguém anti-social e introvertido, que prefere ficar a sós, mas, vista por um amigo ou conhecido, as coisas mudam um pouco; Nádia é muito criativa e adora conversar sobre qualquer assunto com amigos e conhecidos. Entretanto não dá para se afirmar que ela é sempre bem-humorada, já que seu humor muda com facilidade, indo de bem-humorada para mal em questão de segundos, não só isso, mas ela também costuma ser irritadiça em discussões.
Sua irritabilidade em discussões, além da aparente anti-sociabilidade e flutuação de humores, vêm do fato que ela apresenta ansiedade social, ou seja, em muitas situações sociais (de preferência situações novas a ela), Nádia costuma a ter muita ansiedade, mas sua ansiedade fica reduzida ou até mesmo some quando ela já está acostumada com certa situação e pessoas ao seu redor.
Nádia também aspira muito ao xamanismo, tendo muita vontade de aprender os caminhos das magias da natureza, ela é quase fissurada nisso, tendo lido muito a respeito além de ter estudado aprofundadamente com os anciãos de sua aldeia quando jovem.

Estória:
Na infância de Nádia, não houve nada fora do comum para uma criança Faunae; ela vivia junto de seus pais e brincava nas florestas abaixo de onde sua aldeia ficava, ela era um pouco mais quieta que as outras crianças e, já desde jovem, tinha uma grande afinidade pelos afazeres de sua mãe, uma xamã que tinha tremendo controle sobre a natureza.
O início de sua adolescência foi marcado pelos seus aprendizados em magias naturais com sua mãe como mestre e seus trabalhos comunitários nas fazendas de sua aldeia. Entretanto, as coisas mudaram no fim de sua adolescência, quando sua aldeia foi saqueada e queimada e apenas ela sobreviveu, não podendo completar seu treinamento.
Ela viveu como nômade durante o início de sua vida adulta, mas, mais tarde, encontrou o Fórum Democrático do Pivot Brasil, onde passou a viver uma vida tranquila, até então...

Inventário Inicial:
Uma muda de roupas pretas e brancas bem largas e leves, um cajado ornamentado feito de cedro e um pingente de ametista bruta com cordão de couro.

Poderes:
Nádia tem uma aura curativa que aumenta a disposição e regeneração de machucados de pessoas próximas, essa aura também permite que ela consiga influenci


Última edição por Lillith em 3/4/2016, 13:43, editado 1 vez(es)
Fire <3
Fire <3
Sr. Laranja
Sr. Laranja
Masculino
Idade : 22
Posts : 1466
$SC : 242
Localização : No lado escuro da laranja
Data de inscrição : 06/01/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 2 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 1 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 1
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue0 / 1000 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

http://www.pivotbrasil.forumeiros.com

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 16:19
Mestre Vendric

Idade: 28

Gênero:
Rock indie Masculino

Raça: Humano

Aparência:
1,86metros de altura, pesando 76kg. Seu corpo é esguio e em um de seus braços tem uma marca branca parecida com a cara de uma águia. Tem um rosto com uma barba grande e ligada ao seu cabelo. Olhos negros e pele morena.

Personalidade: Calmo, sempre ajudando sua família e o local onde vive.
Estória: Ele teve um nascimento tranquilo, porém seu irmão gêmeo,Menus , que nasceu depois, fez com que sua mãe tivesse complicações, pois não era um filho esperado. Após uma infância cheia de brigas com o irmão, Vendric, apesar de ser o queridinho da família sempre perdia nos duelos contra Menus, e isso fez com que ele começasse a treinar seus poderes. Porém quando ele começou o treinamento, Menus fugiu de casa em busca de mais poder, e Vendric, vendo na busca do objeto roubado uma oportunidade de encontrar seu irmão, partiu em sua jornada.
Infelizmente ele não sabia que o irmão já fora consumido pelo ódio...

(A história se passa logo depois que Menus, meu BAC, destruiu o Templo do vento e desapareceu).


Inventário Inicial:
Facão comum e uma roupa leve, branca com detalhes vermelhos e azuis. Uma capa com uma touca.

Poderes: Super agilidade e controla as plantas (mas ainda não sabe bem como fazer isso, porém ele que ensina laranjinha a habilidade de soltar a folha navalha).

_________________
Cortesia / Dicionário do PIVOT
AS COISAS MAIS FOFAS DO MUNDO:
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] BVKobi2
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Giphy-downsized-large

OS DLÇ:
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] MoYZsxo

____________________________________________________________________________________________________
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Sign_laranjinha_by_bugsplat789-da542ia
Suco de laranja em todos os sabores - Laranjinha
____________________________________________________________________________________________________
Lillith
Lillith
Witch
Witch
Feminino
Idade : 22
Posts : 774
$SC : 0
Localização : Fundo do Poço
Data de inscrição : 24/04/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue3 / 1003 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 16:35
Fire <3 escreveu:
Mestre Vendric

Idade: 28

Gênero:
Rock indie Masculino

Raça: Humano

Aparência:
1,86metros de altura, pesando 76kg. Seu corpo é esguio e em um de seus braços tem uma marca branca parecida com a cara de uma águia. Tem um rosto com uma barba grande e ligada ao seu cabelo. Olhos negros e pele morena.

Personalidade: Calmo, sempre ajudando sua família e o local onde vive.
Estória: Ele teve um nascimento tranquilo, porém seu irmão gêmeo,Menus , que nasceu depois, fez com que sua mãe tivesse complicações, pois não era um filho esperado. Após uma infância cheia de brigas com o irmão, Vendric, apesar de ser o queridinho da família sempre perdia nos duelos contra Menus, e isso fez com que ele começasse a treinar seus poderes. Porém quando ele começou o treinamento, Menus fugiu de casa em busca de mais poder, e Vendric, vendo na busca do objeto roubado uma oportunidade de encontrar seu irmão, partiu em sua jornada.
Infelizmente ele não sabia que o irmão já fora consumido pelo ódio...

(A história se passa logo depois que Menus, meu BAC, destruiu o Templo do vento e desapareceu).


Inventário Inicial:
Facão comum e uma roupa leve, branca com detalhes vermelhos e azuis. Uma capa com uma touca.

Poderes: Super agilidade e controla as plantas (mas ainda não sabe bem como fazer isso, porém ele que ensina laranjinha a habilidade de soltar a folha navalha).

Bem, vamos lá:
Primeiramente, tente fazer o post um pouco mais limpo, sem visuais e tal, siga o esqueleto. Além disso, recomendo que você trabalhe um pouco mais nessas informações aí, estão bem curtas e mal-detalhadas, tente escrever um pouco mais (Digo isso para a aparência, personalidade e estória), além disso, seria melhor especificar mais os poderes, o que eles fazem exatamente e como funcionam.
LkPB
LkPB
Admin
Admin
Masculino
Idade : 24
Posts : 1528
$SC : 3470
Localização : João Pessoa, PB
Data de inscrição : 14/08/2010
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 23 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 13 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 11 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue0 / 1000 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 16:57
Nome: Natron

Idade: 21 anos

Gênero: Masculino

Raça: Híbrido Mutante
Ele é um híbrido de Ser Humano e Stickman. Por ser híbrido, não ia conseguir viver sem uma mutação genética, então o processo de hibridização foi complementado com uma mutação para que Natron pudesse sobreviver. Contudo, essa mutação genética lhe permitiu desenvolver poderes e uma certa agilidade.

Aparência: Possui 1,66 m de altura e pesa 55 kg. Seus braços tem marcas em formato de ramificações que são provenientes do uso de seus poderes de calcificação. O formato de seu corpo é igual de um stickman.

Personalidade:
Por ser um híbrido de Humano com Stickman, ele não possui a podridão humana (ira, vingança, etc), mas adquiriu o vigor de luta de um stickman.

Ele é deboista, mas isso não significa que ele não gosta de lutar. Ele leva a vida como um aprendizado, onde tudo pode ser analisado posteriormente e adquirido algum conhecimento a respeito. Por isso está sempre de bom humor, inclusive em suas batalhas. Gosta de resolver problemas de forma simples e tomar a responsabilidade para si. Além disso, adora o frio e odeia o calor.

Ele gosta de ficar sozinho e isso o faz querer criar suas próprias coisas. Sua casa e estilo de vida é baseado nisso. Ele é um lobo solitário. Não tem problemas em ter amigos, mas os seleciona muito bem. Se não respeitarem o seu espaço, ele fica incomodado.

Estória:
Natron, um cara bem doidera, foi criado em laboratório por cientistas que estavam testando modificações genéticas em humanos. Insatisfeito com a vida de testes que lhe propunham, pois ele gosta de liberdade e fazer suas próprias coisas sem ter ninguém para controlá-lo, decidiu fugir do laboratório.

Ele estava de boas dormindo no parque da cidade. No seu sonho ele almejava uma casa, já que ainda não tinha onde viver, pois dormia pelas ruas da cidade. Então ele teve uma ideia e usou os seus poderes de calcificação para craftar a sua própria casa.

Após craftar toda a sua casa e mobiliá-la, resolveu tirar um cochilo. Shawk (BAC1 do Shock) invadiu a sua casa só porque estava emputecido com a cor escolhida por Natron para a caixa de correio. Com isso houve uma treta maligna e do bem (TBAC Round 1).

Depois de Natron dar um esculacho no Shawk, ele foi limpar sua casa e consertar a bagunça que o Shawk fez. Eis que Requiem (BAC1 do Yoh) surge com suas sombras para perturbar Natron. O motivo? Requiem não gostou do design do tapete de boas vindas da casa do Natron. Uma nova treta has been planted (TBAC Round 2) e eles se resolveram nos tapas. Após a briga de galo, ao vitorioso Natron lhe restou uma casa acabada, muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada.

Agora uma dúvida lhe vem à cabeça: ele deve reconstruir sua moradia calcificada ou se mudar para outro lugar onde não julguem sua decoração? Veremos nos próximos episódios...

Inventário Inicial:
Bastão, calça e botas de couro, camisa de lã e casaco de lobo.

Poderes:
Calcificação (pode fazê-lo e desfazê-lo) e ótima agilidade que o favorece em lutas corpo a corpo e superação de obstáculos.


Última edição por LkPB em 2/4/2016, 23:00, editado 2 vez(es)

_________________
Se perguntem quando foi a última vez que vocês animaram. Foram muitos frames? Foi produtivo? Respondam para si mesmos e tenham em mente que todos são capazes de movimentar o fórum apenas com a própria vontade de animar.
Meu Tópico (=
Spoiler:

Na prática se desenvolve

Lillith
Lillith
Witch
Witch
Feminino
Idade : 22
Posts : 774
$SC : 0
Localização : Fundo do Poço
Data de inscrição : 24/04/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue3 / 1003 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 17:13
LkPB escreveu:Nome: Natron

Idade: 21 anos

Gênero: Masculino

Raça: Híbrido Mutante
Ele é um híbrido de Ser Humano e Stickman que sofreu mutação genética em laboratório para que pudesse viver, mas acabou adquirindo alguns poderes com essa mutação.

Aparência: Possui 1,66 m de altura e pesa 55 kg. Seus braços tem marcas em formato de ramificações que são provenientes do uso de seus poderes de calcificação. O formato de seu corpo é igual de um stickman.

Personalidade:
Ele é deboista, mas isso não significa que ele não gosta de lutar. Ele leva a vida como um aprendizado, onde tudo pode ser analisado posteriormente e adquirido algum conhecimento a respeito. Por isso está sempre de bom humor, inclusive em suas batalhas. Gosta de resolver problemas de forma simples e tomar a responsabilidade para si. Além disso, adora o frio e odeia o calor.

Estória:
Natron, um cara bem doidera, tava de boas dormindo no parque da cidade. No seu sonho ele almejava uma casa, já que ainda não tinha onde viver, pois dormia pelas ruas da cidade. Então ele teve uma ideia e usou os seus poderes de calcificação para craftar a sua própria casa.

Após craftar toda a sua casa e mobiliá-la, resolveu tirar um cochilo. Shawk (BAC1 do Shock) invadiu a sua casa só porque estava emputecido com a cor escolhida por Natron para a caixa de correio. Com isso houve uma treta maligna e do bem (TBAC Round 1).

Depois de Natron dar um esculacho no Shawk, ele foi limpar sua casa e consertar a bagunça que o Shawk fez. Eis que Requiem (BAC1 do Yoh) surge com suas sombras para perturbar Natron. O motivo? Requiem não gostou do design do tapete de boas vindas da casa do Natron. Uma nova treta has been planted (TBAC Round 2) e eles se resolveram nos tapas. Após a briga de galo, ao vitorioso Natron lhe restou uma casa acabada, muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada.

Agora uma dúvida lhe vem à cabeça: ele deve reconstruir sua moradia calcificada ou se mudar para outro lugar onde não julguem sua decoração? Veremos nos próximos episódios...

Inventário Inicial:
Bastão, calça e botas de couro, camisa de lã e casaco de lobo.

Poderes:
Calcificação (pode fazê-lo e desfazê-lo) e ótima agilidade que o favorece em lutas corpo a corpo e superação de obstáculos.

Acho que posso dizer o mesmo a esta ficha, a estória está legal e tal, mas no que exatamente ela se relaciona com a personalidade da personagem? Além disso, acho que seria uma boa explicar melhor a raça.
xRoller
xRoller
Novato
Novato
Masculino
Idade : 19
Posts : 64
$SC : 45
Localização : Olha pra tras.................... Não viu ninguém né?
Data de inscrição : 22/01/2014
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue10 / 10010 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 20:02
Idade: 21

Gênero: Masculino

Raça: Humano

Aparência: Tem "1,75" metros. Pesa "74,00kg", possui um corte no olho esquerdo, corpo definido. Possui uma cicatriz enorme que vai desde a região lombar esquerda ao ombro direito.

Personalidade: Frio, não sente raiva, nem amor, nem ódio, nem perde o controle devido a um trauma. Calmo, não possui uma mudança notável de emoções.

Estória: Ao nascer sua mãe morreu devido a uma hemorragia no parto, ao completar 6 anos o pai morreu com câncer e ele passou a viver com os avós. Certo dia entre seus 16-17 anos ele se separou de seus avós, em uma viagem ele foi a uma montanha muito grande, onde se deparou com um urso, lutando para garantir sua sobrevivência, conseguiu correr, mas o urso o atacou nas costas deixando uma cicatriz enorme entre um lado e o outro das costas, conseguiu fugir, um monge o encontrou e o levou para um abrigo, onde ele foi treinado fisicamente e mentalmente por meio de conhecimentos sobre ervas medicinais, venenos e estratégias de todo tipo, treinou por mais ou menos 2 ou 3 anos, era considerado o melhor aluno do abrigo...

 Um tempo depois, estava com cerca de 19-20 anos, voltou para onde seus avós moravam, percebeu uma fumaça e a pequena cidadezinha estava em chamas, ele correu para averiguar o que estava acontecendo, viu seus avós queimando em uma fogueira e cerca de 60 soldados em volta a bater suas lanças no chão, uma dor que nunca havia sentido antes veio do fundo do seu coração, um buraco, um vazio tudo que ele pensava naquele momento era vingança, em um ato suicida ele matou 43 soldados, um deles conseguiu acertar um corte leve no seu olho esquerdo, mesmo assim ele não parou até que matou todos, mesmo assim, seu coração parecia que havia adormecido, não sentiria mais nada a partir dali, nem dor, nem raiva, nem felicidade, é como se seu coração tivesse deixado de existir.

Inventário Inicial: Peitoral de couro, um chapéu feito com a cabeça de um urso cortada, um colar de dentes de lobo, uma espécie de molho verde dentro de um frasco (Diminui a perda de sangue e é um ótimo antibiótico) e possui um machado leve porém afiado.

Poderes: Alto teor de inteligência (Pensa bastante a frente e sabe como agir em diversas situações), agilidade e reflexos de um atleta, conhecimento sobre ervas medicinais e venenos de todos os tipos e também possui bastante conhecimento sobre medicina.
Lillith
Lillith
Witch
Witch
Feminino
Idade : 22
Posts : 774
$SC : 0
Localização : Fundo do Poço
Data de inscrição : 24/04/2012
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue3 / 1003 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

em 2/4/2016, 22:49
LkPB escreveu:Nome: Natron

Idade: 21 anos

Gênero: Masculino

Raça: Híbrido Mutante
Ele é um híbrido de Ser Humano e Stickman. Por ser híbrido, não ia conseguir viver sem uma mutação genética, então o processo de hibridização foi complementando com uma mutação para que Natron pudesse sobreviver. Contudo, essa mutação genética lhe permitiu desenvolver poderes e uma certa agilidade.

Aparência: Possui 1,66 m de altura e pesa 55 kg. Seus braços tem marcas em formato de ramificações que são provenientes do uso de seus poderes de calcificação. O formato de seu corpo é igual de um stickman.

Personalidade:
Por ser um híbrido de Humano com Stickman, ele não possui a podridão humana (ira, vingança, etc), mas adquiriu o vigor de luta de um stickman.

Ele é deboista, mas isso não significa que ele não gosta de lutar. Ele leva a vida como um aprendizado, onde tudo pode ser analisado posteriormente e adquirido algum conhecimento a respeito. Por isso está sempre de bom humor, inclusive em suas batalhas. Gosta de resolver problemas de forma simples e tomar a responsabilidade para si. Além disso, adora o frio e odeia o calor.

Ele gosta de ficar sozinho e isso o faz querer criar suas próprias coisas. Sua casa e estilo de vida é baseado nisso. Ele é um lobo solitário. Não tem problemas em ter amigos, mas os seleciona muito bem. Se não respeitarem o seu espaço, ele fica incomodado.

Estória:
Natron, um cara bem doidera, foi criado em laboratório por cientistas que estavam testante modificações genéticas em humanos. Contudo, insatisfeito, sua agilidade lhe permitiu fugir de lá, pois ele gosta de liberdade e fazer suas próprias coisas sem ter ninguém para controlá-lo.

Ele estava de boas dormindo no parque da cidade. No seu sonho ele almejava uma casa, já que ainda não tinha onde viver, pois dormia pelas ruas da cidade. Então ele teve uma ideia e usou os seus poderes de calcificação para craftar a sua própria casa.

Após craftar toda a sua casa e mobiliá-la, resolveu tirar um cochilo. Shawk (BAC1 do Shock) invadiu a sua casa só porque estava emputecido com a cor escolhida por Natron para a caixa de correio. Com isso houve uma treta maligna e do bem (TBAC Round 1).

Depois de Natron dar um esculacho no Shawk, ele foi limpar sua casa e consertar a bagunça que o Shawk fez. Eis que Requiem (BAC1 do Yoh) surge com suas sombras para perturbar Natron. O motivo? Requiem não gostou do design do tapete de boas vindas da casa do Natron. Uma nova treta has been planted (TBAC Round 2) e eles se resolveram nos tapas. Após a briga de galo, ao vitorioso Natron lhe restou uma casa acabada, muito engraçada, não tinha teto, não tinha nada.

Agora uma dúvida lhe vem à cabeça: ele deve reconstruir sua moradia calcificada ou se mudar para outro lugar onde não julguem sua decoração? Veremos nos próximos episódios...

Inventário Inicial:
Bastão, calça e botas de couro, camisa de lã e casaco de lobo.

Poderes:
Calcificação (pode fazê-lo e desfazê-lo) e ótima agilidade que o favorece em lutas corpo a corpo e superação de obstáculos.

Notei algumas alterações na ficha, então vamos lá:
A explicação da raça está mais completa agora, mas ainda recomendaria algumas alterações (principalmente concordância entre as sentenças e informações). A aparência ainda está bem genética e vaga, mas, mais uma vez, aceitável. A estória ainda não tem muita relação com o passado do personagem de acordo com as informações dadas previamente na parte de aparência e personalidade. Além disso, como sua calcificação funciona? Tem limites?

xRoller escreveu:Idade: 21

Gênero: Masculino

Raça: Humano

Aparência: Tem "1,75" metros. Pesa "74,00kg", possui um corte no olho esquerdo, corpo definido. Possui uma cicatriz enorme que vai desde a região lombar esquerda ao ombro direito.

Personalidade: Frio, não sente raiva, nem amor, nem ódio, nem perde o controle devido a um trauma. Calmo, não possui uma mudança notável de emoções.

Estória: Ao nascer sua mãe morreu devido a uma hemorragia no parto, ao completar 6 anos o pai morreu com câncer e ele passou a viver com os avós. Certo dia entre seus 16-17 anos ele se separou de seus avós, em uma viagem ele foi a uma montanha muito grande, onde se deparou com um urso, lutando para garantir sua sobrevivência, conseguiu correr, mas o urso o atacou nas costas deixando uma cicatriz enorme entre um lado e o outro das costas, conseguiu fugir, um monge o encontrou e o levou para um abrigo, onde ele foi treinado fisicamente e mentalmente por meio de conhecimentos sobre ervas medicinais, venenos e estratégias de todo tipo, treinou por mais ou menos 2 ou 3 anos, era considerado o melhor aluno do abrigo...

 Um tempo depois, estava com cerca de 19-20 anos, voltou para onde seus avós moravam, percebeu uma fumaça e a pequena cidadezinha estava em chamas, ele correu para averiguar o que estava acontecendo, viu seus avós queimando em uma fogueira e cerca de 60 soldados em volta a bater suas lanças no chão, uma dor que nunca havia sentido antes veio do fundo do seu coração, um buraco, um vazio tudo que ele pensava naquele momento era vingança, em um ato suicida ele matou 43 soldados, um deles conseguiu acertar um corte leve no seu olho esquerdo, mesmo assim ele não parou até que matou todos, mesmo assim, seu coração parecia que havia adormecido, não sentiria mais nada a partir dali, nem dor, nem raiva, nem felicidade, é como se seu coração tivesse deixado de existir.

Inventário Inicial: Peitoral de couro, um chapéu feito com a cabeça de um urso cortada, um colar de dentes de lobo, uma espécie de molho verde dentro de um frasco (Diminui a perda de sangue e é um ótimo antibiótico) e possui um machado leve porém afiado.

Poderes: Alto teor de inteligência (Pensa bastante a frente e sabe como agir em diversas situações), agilidade e reflexos de um atleta, conhecimento sobre ervas medicinais e venenos de todos os tipos e também possui bastante conhecimento sobre medicina.

Está bem, sua vez agora:
Mais uma vez, aparência bem genérica, tem como especificar mais, gente. Mesma coisa para a personalidade, está muito rasa, acho que duas linhas é muito pouco para descrever um personagem, mas tudo bem.
A estória já está um pouco mais interessante, mas acho que ela está um pouco... como posso dizer... por todo canto. As transições são muito rápidas e há pouca concordância entre as partes.
O inventário e habilidades estão boas. Seria uma boa explicar quão aprofundado é o conhecimento de medicina, tipo, se ele conseguiria fazer uma cirurgia perfeita ou ficaria só nos bálsamos mesmo.
Faltou um nome.


-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-
Aqui está meu personagem:

Nome: Nádia.
Idade: 19
Gênero: Feminino

Raça: Faunae
Os Faunae são uma raça de certa forma rara no mundo, tendo aparência de certa forma semelhante a humanos, mas com algumas poucas diferenças, sendo essas: cores de pelagem diferenciadas (muitos Faunae nascem com cabelos que se assemelham à pelagem de animais, ou seja, têm várias cores. Além disso eles também podem ter pelos de cores mais alaranjadas ou até mesmo brancos); narizes mais proeminentes, mas narinas pequenas; suas orelhas têm movimentação melhorada, o que aguça a localização de sons; e, a característica mais proeminente, chifres que nascem de seus crânios, normalmente semelhantes ao de alces ou antílopes.
A sua cultura é um pouco mais variada à dos humanos, pois os Faunae são uma raça de semi-nômades e fazendeiros, muito conectados com a natureza. Suas aldeias são normalmente construídas nas copas de árvores em montes ou montanhas bem florestadas. Eles não têm líderes em sua sociedade e preferem um modelo mais "um por todos e todos por um" de sociedade. Além disso, eles são muito bem conhecidos por serem excelentes em magia.

Aparência:
Nádia tem um corpo de certa forma dentro do comum, para uma Faunae, com uma altura de 1 metro e 95 centímetros, peso de 90 quilogramas. Sua pele é bem clara, quase pálida, seus cabelos são longos até a metade das costas e de coloração semelhante a um cervo (maioria marrom escuro com tons de branco e beje) e ala tem um par olhos verde-escuro. Seu rosto é composto de um nariz Faunae normal assim como uma boca bem avermelhada e de aparência saudável, seu rosto é demasiado comprido, também. Seu corpo é um tanto esguio, com peitos, glúteos de tamanho médio, mas ancas um pouco grandes; mãos e pés de tamanho normal.

Personalidade:
Ela, vista por um desconhecido, pode ser vista como alguém anti-social e introvertido, que prefere ficar a sós, mas, vista por um amigo ou conhecido, as coisas mudam um pouco; Nádia é muito criativa e adora conversar sobre qualquer assunto com amigos e conhecidos. Entretanto não dá para se afirmar que ela é sempre bem-humorada, já que seu humor muda com facilidade, indo de bem-humorada para mal em questão de segundos, não só isso, mas ela também costuma ser irritadiça em discussões.
Sua irritabilidade em discussões, além da aparente anti-sociabilidade e flutuação de humores, vêm do fato que ela apresenta ansiedade social, ou seja, em muitas situações sociais (de preferência situações novas a ela), Nádia costuma a ter muita ansiedade, mas sua ansiedade fica reduzida ou até mesmo some quando ela já está acostumada com certa situação e pessoas ao seu redor.
Nádia também aspira muito ao xamanismo, tendo muita vontade de aprender os caminhos das magias da natureza, ela é quase fissurada nisso, tendo lido muito a respeito além de ter estudado aprofundadamente com os anciãos de sua aldeia quando jovem.

Estória:
Na infância de Nádia, não houve nada fora do comum para uma criança Faunae; ela vivia junto de seus pais e brincava nas florestas abaixo de onde sua aldeia ficava, ela era um pouco mais quieta que as outras crianças e, já desde jovem, tinha uma grande afinidade pelos afazeres de sua mãe, uma xamã que tinha tremendo controle sobre a natureza.
O início de sua adolescência foi marcado pelos seus aprendizados em magias naturais com sua mãe como mestre e seus trabalhos comunitários nas fazendas de sua aldeia. Entretanto, as coisas mudaram no fim de sua adolescência, quando sua aldeia foi saqueada e queimada e apenas ela sobreviveu, não podendo completar seu treinamento.
Ela viveu como nômade durante o início de sua vida adulta, mas, mais tarde, encontrou o Fórum Democrático do Pivot Brasil, onde passou a viver uma vida tranquila, até então...

Inventário Inicial:
Uma muda de roupas pretas e brancas bem largas e leves, um cajado ornamentado feito de cedro e um pingente de ametista bruta com cordão de couro.

Poderes:
Nádia tem uma aura curativa que aumenta a disposição e regeneração de machucados de pessoas próximas, essa aura também permite que ela consiga influenciar animais para fazerem o que ela quiser.
xRoller
xRoller
Novato
Novato
Masculino
Idade : 19
Posts : 64
$SC : 45
Localização : Olha pra tras.................... Não viu ninguém né?
Data de inscrição : 22/01/2014
Medalhas & Troféus : __________O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] HMUii: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] NQu3g: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] 8Q4Qx: 0 O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Trophy: 0
Alerta :
O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Left_bar_bleue10 / 10010 / 100O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Right_bar_bleue

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty RP

em 5/4/2016, 15:53
Nome: Alex Siegfried

Idade: 21

Gênero: Masculino

Raça: Humano (Acredito que seja uma raça normal?) '-'

Aparência: Tem "1,75" metros. Pesa "74,00kg", possui um corte no olho esquerdo, corpo definido. Possui uma cicatriz enorme que vai desde a região lombar esquerda ao ombro direito,
cabelos brancos, olhos verdes e é negro.

Personalidade: Calmo, não perde a paciência. Pensa sempre logicamente, não conta com sorte ou algo do tipo. Gosta de ajudar os outros. Quando vê filhos e pais interagindo/brincando entre si, uma tristeza toma seu coração, ele acaba por lembrar de seus avós.

Estória:
 
 Quando Alex nasceu, ele perdeu sua mãe devido a uma hemorragia no útero dela... Logo após isso, com cerca de 3 a 4 anos, seu pai não tinha tempo de cuidar dele e  acabou pondo Alex cedo em uma escola, com cerca de 6 a 7 anos, Alex ficou órfão de mãe e de pai, de forma que seu pai morreu em guerra... Alex chorou, chorou muito... Como ele não podia ficar sozinho, partiu a morar com seus avós, sua avó cuidava de casa enquanto seu avô era um caçador, sem ter em quem se espelhar, Alex se espelhou no avô, e então partia para caça junto de seu avô todos os dias... Anos se passaram, e Alex tomou uma decisão, ele iria até o "Monte Pardo" para caçar ursos, seu avô lhe aconselhou a não ir, ele estava com cerca de 13 a 14 anos... Reunindo conhecimento e aprendendo a manusear um machado, ele foi até esse Monte, e lá ele se deparou com um urso, pegou seu machado, seu coração batia mais forte, em seu sangue corria adrenalina pura, começou a soar, medo? Algo que ele não conhecia, estava a sua frente...
 Correu para cima do urso e tentou acertar ele com o machado, com um golpe ele matou o urso... Um barulho ecoou, parecia ser um chamado, Alex se afastou um pouco do urso
e outro urso apareceu, um maior, mais forte, Alex percebeu que aquele urso era mais forte, e quando viu a forma que o urso agiu, logo percebeu que aquela era a mãe do outro,
se virou e se pôs a correr, mas em um tropeço, o urso o alcançou e acertou um golpe, uma patada, em suas costas, foi um grande corte, estava sangrando muito, mas ele não sentiu nada na hora, e continuou correndo, conseguiu fugir pois achou um local onde pôde se esconder, mas sangrando ele acabou desmaiando...
 Acordou em uma espécie de aldeia, estava rodeado por beldades, e como todo adolescente, ele acabou "armado", mas um monge apareceu, com um capuz verde com traços amarelos,
perguntou a Alex: Você está bem amigo? Alex respondeu: Sim, de alguma forma. O monge novamente disse: Que bom, com esse ferimento não são muitos que conseguiriam sobreviver...
O monge então saiu com Alex e foi até o meio da aldeia, dizendo: Este é o homem de que estava falando. Alex então perguntou: Como assim? O monge lhe respondeu: Enquanto você
estava desmaiado, a maioria de nós apostou em sua morte, não leve para o lado pessoal... Alex olhou em volta e viu muitas pessoas mexendo com plantas, algumas fazendo lanças
e outros utilizando o bambu para fazer instrumentos, lembrou de seu tempo de escola onde um livro dizia que aldeias de monges especialistas em medicina viviam em florestas.
Alex perguntou ao monge: Você poderia me ensinar sobre medicina? Então o monge o perguntou: Quem é você? Alex disse: Eu sou Alex, venho de Sigmund, possuo 16 anos... O monge interrompeu suas palavras e perguntou: Como você chegou aqui? Alex disse: Eu acredito que seja o destino... E o monge expressou-se: Destino... Interessante, me interessei por você garoto, irei lhe ensinar, em troca, fará tudo que pedir. Alex aceitou a proposta, e se tornou discípulo do monge. Anos se passaram, Alex estava com 19 a 20 anos. Tomou a decisão de voltar para a casa de seus avós, o monge também disse que ele deveria voltar, e então ele começou seu caminho, passou por cidades e por aldeias, utilizou seu conhecimento de medicina para ajudar o maior número de pessoas possível, fez muitas amizades, e finalmente chegou a casa de seus avós, mas algo estava estranho, eles não estavam lá. Então um grande estrondo aconteceu perto dali. Alex assustado olhou em volta e procurou para ver de onde veio, quando viu um fumaceiro enorme vindo do sul, correu naquela direção e ao chegar lá, um tremendo choque emocional para ele, seus avós, os quais te ensinaram a caçar, que o "criaram" que o ensinou valores... Estavam em uma estaca, e em volta soldados festejando... A festa parou, começou a chover, todos pararam e observaram Alex parado, olhando para baixo, lágrimas caindo, uma atmosfera pesada se formou e então Alex perguntou: Por quê eles estão ali? Um dos soldados disse: Achamos esses idiotas em uma casinha perto do rio ninguém vai sentir falta deles, os cães precisam de carne... Alex ficou envolto em ódio, correu para cima do soldado que falou, pegou seu machado e partiu a cabeça dele em dois, e continuou lutando, até que ficaram somente 2 soldados, Alex estava cansado, e com um golpe de um dos soldados, ele desviou mas o outro passou perto de seu olho, fazendo um corte em cima de seu olho esquerdo e então Alex jogou seu machado em um dos soldados, e o outro foi morto com sua própria lança... Alex olhou pra cima, e se questionou: Por que deus... Por que?. Começou a chorar, e não parou até que amanheceu[...].

Inventário Inicial: Peitoral de couro, um chapéu feito com a cabeça de um urso cortada, um colar de dentes de lobo, uma espécie de molho verde dentro de um frasco (Diminui a perda de sangue e é um ótimo antibiótico) e possui um machado leve porém afiado.

Poderes: Alto teor de inteligência (Pensa bastante a frente e sabe como agir em diversas situações), agilidade e reflexos de um atleta,
conhecimento sobre ervas medicinais e venenos de todos os tipos e também possui bastante conhecimento sobre medicina (Seu conhecimento de medicina é o mesmo de um médico com doutorado em medicina, ele consegue realizar desde as cirurgias mais simples as mais complexas, também consegue aplicar os primeiros socorros com poucos recursos.)


Edit: Fiz algumas alterações no personagem. História mais elaborada, poderes mais explicados, mudanças na aparência e mais características do personagem, a parte dele ser humano, é a mesma coisa que ele ser como nós, adicionei mais aspectos de sua personalidade.
Conteúdo patrocinado

O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem] Empty Re: O Grande Roubo (RP por texto) [tópico de discussões/fora da personagem]

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum